Você pensa em ingressar em uma graduação para obter um diploma superior na área de saúde? Já ouviu falar em Biomedicina, mas não está 100% seguro de que é essa sua vocação? Então você chegou ao lugar certo. Aqui, tiraremos todas as suas dúvidas em relação ao curso e à profissão de biomédico!

Nos próximos tópicos, falaremos sobre o curso de Biomedicina na UniNorte, abordando suas principais características, os possíveis campos de atuação e a receptividade do mercado de trabalho. Interessado em conhecer todos os detalhes dessa área tão promissora? Acompanhe!

Afinal, o que é a Biomedicina?

A Biomedicina é a área responsável por pesquisar e entender doenças e epidemias, além de elaborar novas formas de diagnóstico, tratamento e prevenção. É uma profissão fundamental para a produção desse tipo de conhecimento, podendo ser vista como uma mistura entre conceitos e disciplinas de Biologia com conceitos e disciplinas de Medicina.

O foco da profissão é, de fato, a pesquisa dos mecanismos de agressão e defesa do organismo humano, a identificação das causas associadas a enfermidades e o desenvolvimento de medidas de tratamento, como medicamentos e vacinas.

O curso dura em média 4 anos e sua modalidade é bacharelado. Os profissionais diplomados são regidos pelo Conselho Regional de Biomedicina (CRBM). E vale dizer que, no Brasil, a Biomedicina já ultrapassou os 50 anos!

Qual o perfil dos estudantes do curso?

O graduando ideal de Biomedicina é aquele que gosta de investigação e pesquisa. Isso porque estamos falando de um curso e de uma profissão calcados na prática, em que boa parte da carga horária é dedicada a atividades em laboratório. Além disso, depois de formado, o profissional precisa demonstrar uma postura proativa em relação aos avanços da tecnologia e da própria Medicina, fatores que impactam fortemente sua própria atuação. É preciso estar sempre em busca de atualização.

Como você já deve imaginar, todas as ciências da saúde estão em constante transformação. Pense como uma doença X era tratada na década de 1990 e compare com os tratamentos disponíveis hoje em dia. Há uma distância considerável, não é verdade? É preciso lembrar que os conhecimentos a respeito do corpo humano estão em revisão contínua. E o biomédico tem um papel fundamental na construção desses conhecimentos.

Por fim, é essencial saber (ou aprender ao longo do curso, claro) trabalhar em equipe, já que esse profissional não costuma trabalhar isolado. Muito pelo contrário, aliás, ele faz parte de uma equipe multidisciplinar.

Duração:  04 anos

Coordenador (a): Shérrira Menezes Garavelo